segunda-feira, 11 de julho de 2011

CANYON - Aeroad CF 9.0 SL

Pela 1ª vez pedalei na serra da Estrela de bicicleta de estrada, e logo para estreia uma voltinha de 110 Km com uma altimetria ascendente de 2565 mts, para ajudar à "festa" uma bicicleta que eu nunca tinha experimentado.
Depois destas todas a nuances cheguei ao final pronto para outra ! para tal predisposição contei com a excelente ajuda da fantástica CANYON - Aeroad CF 9.0 SL, como também dos Amigos que me acompanharam.
A CANYON - Aeroad CF 9.0 SL é de facto uma maravilha tanto em subidas e não foram poucas ! como em descidas, a curvar a travar tudo de bom mesmo, o único senão que verifiquei foi o selim que achei um pouco desconfortável (quando for grande quero ter uma CANYON - Aeroad CF 9.0 SL)

Tudo isto aconteceu porque durante a semana passada fui espicaçado ( no bom termo ) pelo Amigo Paulo Neto, para lhe fazer companhia mais à sua Pinarello Prince, numa voltinha pela serra da Estrela.
Liguei ao Paulo Alves para saber se podia contar com a CANYON - Aeroad CF 9.0 SL, o qual me respondeu afirmativamente, sendo assim, no passado sábado lá fomos os dois ( eu João Afonso e o Paulo Neto ) de carro até Manteigas, para a dita "voltinha" de estrada pela bonita e ao mesmo tempo atemorizante, serra da Estrela. Fizeram-nos excelente companhia os Amigos António Cabaço, Paulo Jalles, Pedro Barroca e Silvério Correia que por mim tinham sido convidados.

O percurso foi sair de Manteigas e subia até à Torre, com passagem pelos Piornos e Nave de Santo António. Na Torre ( 1993 mts, ponto mais alto de Portugal Continental ) comemos, bebemos e conversámos um bom bocado, para de seguida tirarmos várias fotos algumas em grupo. Daqui descemos a Seia com passagem por Valezim. Em Seia entrámos na Estrada Nac. Nº 17 e nela rolámos até Gouveia. Aqui começou a 2ª longa subida do dia até ao alto do Mondeguinho. No início desta subida o Paulo Neto deu por falta dos seus óculos e voltou a trás ( baixo ) para procurá-los. Para não arrefecerem os restantes companheiros foram andando ( subindo ) eu optei por esperar por ele e fazer-lhe companhia até ao final. Como é meu hábito fui tirando fotos para mais tarde recordar.
Chegados a Manteigas, fomos ter com os restantes companheiros ao Vale da Amoreira, onde fizemos um " tira gosto " de peixinhos fritos, que estavam que nem uma delícia.

--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
As três Canyon em Manteigas no local da partida e chegada

Passagem pelo Pórtico de meta da prova " OH Meu Deus " em Manteigas

Andamento moderado que serviu para aquecimento muscular

Passagem pelos 1000 mts de altitude

Pequena paragem na fonte Paulo Luís Martins para atestar bidons

O bonito Vale Glaciário do Zêzere com Manteigas lá ao fundo

Passagem pelo túnel depois dos 1700 mts de altitude

Silvério Coreia em pose com o Cantaro Gordo na sua retaguarda

Depois do cruzamento de Seia a Torre era já ali

A chegada aqui é sempre motivo de grande satisfação

Até parece que já se conhecem à muito tempo

Foto de Grupo com a Torre pela retaguarda

Marco geodésico que assinala o ponto mais elevado da Serra da Estrela

A CANYON - Aeroad CF 9.0 SL na rotunda mais alta de Portugal

António Cabaço e a Canyon Ultimate CF SLX Team descendo para Valezim

Pedro Barroca e a sua Canyon Ultimate AL 8.0

O Grupo à saída de Valezim em direção a Seia

A CANYON - Aeroad CF 9.0 SL numa rotunda em Seia

As três Canyon numa pequena pausa antes de Gouveia

Rolar em andamento moderado em direção a Gouveia

Eu e a CANYON - Aeroad CF 9.0 SL num fontanário depois de Gouveia

Cabeça do Velho a meio da longa subida vindo de Gouveia

Final da subida antecedendo o Mondeguinho

Mondeguinho local onde nasce o rio Mondego

Cruzamento das Penhas Douradas, até Manteigas é sempre a descer

A Pinarello Prince e a CANYON - Aeroad CF 9.0 SL à chegada

Peixinhos fritos num restaurante no Vale da Amoreira

--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Slide Show ***** CANYON - Aeroad CF 9.0 SL *****

--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Para terminar, agradeço aos Amigos deste passeio a companhia, a camaradagem, a gentileza, e o encorajamento que me facultaram, durante toda esta fantástica manhã de Bicicleta de estrada.

Um "Big Thanks" ao Paulo Alves pela faculdade em me emprestar esta bonita e Grande Máquina que é a CANYON - Aeroad CF 9.0 SL


Divirtam-se !
Até à próxima !
João Afonso.

5 comentários:

Silvério disse...

No seguimento do meu comentário relativo ao meu passeio anterior, em blogue da especialidade, depois deste passeio oferecido pelo amigo Paulo Neto, através do João Afonso, só posso dizer que continuei a “escrever o livro de poesia”, ou não tivéssemos passado um dia excelente a pedalar e a conviver na Serra da Estrela. Para além de tudo, este lugar para mim, tem sempre uma áurea especial, talvez pelas minhas origens serranas!
Obrigado a todos
Um abraço
Silvério
P.S. João umas pequenas correcções, construtivas:
- A minha pose é com o Cântaro mais elegante na retaguarda, o Magro e não o Gordo.
- A CANYON - Aeroad CF 9.0 SL na rotunda mais alta de Portugal Continental. Se fosse de Portugal era na ilha do Pico

Fidalgo disse...

Até estou com água na boca. Ainda me vou afogar!!!! Esses peixinhos que saudades!!!Para a próxima digam que eu vou lá ter, à tasca claro ou casa de pasto.

OFF ROAD BIKERS disse...

ola meu amigo!!! Nossa que lindo vale é aquele da foto. Tambem é muito interessante a pedra do velho. Grande abraço companheiro

GINETAS BIKERS. disse...

sin palabras..!!!!! esquisitez y buen gusto por las fotos y la gran ruta es lo que teneis.bravoooo..!!!!

Michel Schanuel Girardi disse...

Grande máquina essa Canyon! Estou com muita vontade de andar de bike speed para voar baixo pelo asfalto! rsrs

Um abraço